Testemunhas da unidade: um só coração e um só espírito

Não sejamos nós, por conta das nossas fraquezas, a barrar o grande testemunho de unidade do rebanho de Deus

“A multidão dos fiéis era um só coração e uma só alma” (Atos 4, 32). 

O maior testemunho que o cristão pode dar ao mundo é o da unidade entre todos os homens! No passado, tínhamos o mesmo modo de vida, os mesmos ritos e tradições. Por isso, celebrávamos; pois era motivo de satisfação e honra. Entre nós havia um sentimento coletivo que emanava do desejo da alma de permanecer unidos.

Com a evolução, o mundo foi renunciando a alguns valores essenciais: ao desejo de partilhar a vida; ao espírito de cooperação, de harmonia e de paz entre as diferenças. Renunciando a esses valores, deu-se lugar ao individualismo que estimulou o total esquecimento do outro. A comunidade humana vai deixando, pouco a pouco, de existir nas ruas, no bairro, nas escolas, na Igreja e no país, tornando-se “ilhas”.

O individualismo feroz leva à perda da confiança e, quando isso acontece, é fracasso na certa: todos perdem! Renegamos o espírito de unidade, de respeito e fraternidade, tudo vira privativo e pessoal. Pessoas inacessíveis, intocáveis, isoladas, estressadas e cheias de feridas. Favorecendo o total desconhecimento do outro e suas necessidades, desembocamos na cruel intolerância, no indiferentismo, perdemos a sensibilidade e promovemos guerras: tudo porque nos falta a proximidade.

Não é um favor, mas uma necessidade de sobrevivência cumprir a oração de Jesus ao Pai de que todos sejam um (Jo, 17,21). Que não sejamos nós, por conta das nossas fraquezas, a barrar o grande testemunho de unidade do rebanho de Deus. Deus quer ser um em nós, mas para isso é preciso que sejamos um entre nós. Aos cristãos, é cada vez mais desafiante dar esse testemunho, mas não é impossível. Comecemos a semear em nossos lares, em nossa Igreja e em nosso país que somos todos filhos da casa comum!

Podemos não estar juntos, porém, unidos podemos pensar diferente e ser um só coração: depende da vontade e disposição de alma. É possível seguir unidos, com um mesmo ideal, buscar o apoio e a força um dos outros, partilhar convicções e trabalhar por mais paz e justiça no mundo. É preciso começar!

Deus abençoe você,
Ricardo Rezende

Confira também: 
.:Os dons do Espírito Santo tem o poder de nos santificar
.:Você sabe que o amor de Deus é o Espírito Santo em nós?
.:Como acontece a efusão do Espírito Santo nas quartas moradas?

Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.

Ricardo Rezende