A paciência alimenta em nós a esperança

A paciência é um fruto do Espírito Santo, e é por meio de uma vida no Espírito que nos transformamos em pessoas compreensivas

Hoje, vivemos no mundo onde o imediatismo se instalou de uma forma tão grande, que afetou todas as áreas de nossa vida, sejam nossas relações familiares, sociais, de trabalho e também a nossa espiritualidade. A forma com que nos relacionamos com Deus acaba, muitas vezes, tornando-se uma angústia quando não temos em nós a virtude da paciência.

A falta dessa virtude afeta tanto a nossa vida, que diz São Paulo na Sagrada Escritura em Romanos 5,4: “A paciência prova a fidelidade, e a fidelidade comprovada produz a esperança”.

Quantas vezes falta-nos paciência em nossa casa, com nossos filhos, pais e amigos! Com isso, deixamos de crescer nos relacionamentos e na virtude do amor, sabendo também que as pessoas podem e devem passar pelo mesmo processo. Com Deus também agimos assim em alguns momentos. Em nossas orações, pedimos a Ele uma graça, um milagre, e se a resposta não for ao menor tempo possível, perdemos a esperança e até mesmo nos revoltamos contra Deus.

Porém, a paciência é um fruto do Espírito Santo, e é por meio de uma vida no Espírito que nos transformamos em pessoas mais compreensivas nas nossas relações pessoais e também com Deus. Olhando para a vida dos santos, percebemos que foram homens e mulheres que souberam esperar no Senhor.

Viver assim é um exercício diário, e com a graça de Deus e o auxilio da Virgem Maria, podemos alcançar este dom.

Deus abençoe você,
Ladiael Oliveira

Confira também:
.:É tempo de clamar o Espírito Santo
.:Conheça e reze, diariamente, a oração universal ao Espírito Santo

Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.

Ladiael Oliveira

↑ topo