O despertar para o Espírito Santo

O despertar para o Espírito Santo na caminhada cristã se dá intimamente com as experiências de vida que, ao longo do tempo, vão tocando aquele que decide caminhar por uma nova vida. Ele é quem caminha junto. O próprio sentido da palavra Paráclito pode acentuar esse significado em nossas vidas.  Paráclito, ou “aquele que é chamado junto, que está perto de nós”, pode ser comparado como um defensor, uma testemunha da nossa salvação pelo Cristo. O Verbo se fez carne para que pudéssemos, em nossa humanidade, receber o Espírito Santo. 

O despertar para o Espírito Santo

Crédito: BrianAJackson by GettyImages

O anúncio do Evangelho e a salvação para todos

O Pentecostes deu aos apóstolos a coragem, a alegria, a inspiração de anunciar o Evangelho e a Salvação a todos pelo despertar do Espírito Santo. E é o próprio Espírito Santo que nos impulsiona para uma vida nova. Seu agir acontece quando nos abrimos à experiência da oração, da intimidade com Deus, com um propósito de vida nova.

E, no despertar para o Espírito Santo, podemos nos inspirar por essa passagem de Romanos 8,11: “Se o Espírito daquele que ressuscitou Jesus dentre os mortos mora em nós, então aquele que ressuscitou Jesus Cristo dentre os mortos vivificará também nossos corpos mortais por meio do seu Espírito que mora em vós”. 

O despertar para o Espírito Santo nos leva a uma nova vida e para uma experiência ainda maior que experimentamos diretamente, o que nos traz essa passagem: “porquanto não recebestes um espírito de escravidão para viverdes ainda no temor, mas recebestes o espírito de adoção pelo qual clamamos: Aba! Pai! O Espírito mesmo dá testemunho ao nosso espírito de que somos filhos de Deus.” (Rm 8,15-16). Despertar é efetivamente viver uma vida renovada. 

O despertar para o Espírito Santo

É o próprio Espírito Santo que nos inspira, que nos traz uma resposta nova, que nos direciona, que caminha junto, mas que pede a você que abra as portas do seu coração, do seu entendimento, de sua razão – que por vezes tanto tira a sua inspiração – , e que o faça a viver uma experiência, muitas vezes, silenciosa, com algo novo em sua vida.

Mas se tudo parece vazio e sem sentido, se parece que o caminhar não encontra uma coerência em tudo, peça ao próprio Espírito que o inspire: Vinde, Espírito Santo, enchei os corações dos vossos fiéis e acendei neles o fogo do Vosso Amor. Enviai o Vosso Espírito e tudo será criado, e renovareis a face da terra. Oremos: Ó Deus que instruíste os corações dos vossos fiéis, com a luz do Espírito Santo, fazei que apreciemos retamente todas as coisas segundo o mesmo Espírito e gozemos da sua consolação. Por Cristo Senhor Nosso. Amém”. 

Um abraço fraterno! 

Elaine Ribeiro
Instagram @elaineribeiro_psicologa 

Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.