No amor não há temor!

Quero começar a partilhar com você sobre Santa Edith Stein, pois hoje é o dia que a Igreja dedicou a ela. Com certeza, quem acompanhou um pouco da Jornada Mundial da Juventude, na Cracóvia, viu como foi a postura do Papa Francisco quando visitou o campo de concentração de Auschwitz na Polônia.

Santa Edith Stein morreu nas câmaras de gás, num campo de concentração; no entanto, o coração dela não se encheu de ódio nem de rancor, muito pelo contrário, encheu-se de amor, um amor que perdoa!

Hoje, vivemos uma realidade parecida perante as atrocidades que acontecem na nossa humanidade. Como cristãos, como deve ser a nossa postura? Que, em nosso coração, não deixemos de amar nem perdoar, que possamos ser verdadeiros cristãos e, quando preciso, silenciemos e rezemos!

Santa Edith Stein, rogai por nós!

Abraço do seu irmão,
Shahir Rahemane

Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.

Shahir Rahemane

↑ topo